Castelo Branco é o distrito com pior situação económica

0
297

Na 2ª Edição do Estudo Nacional de Competitividade Regional, recentemente lançada pela Zaask, em parceria com a Universidade Católica Portuguesa, e que contou com a colaboração de 1321 empresários portugueses, Castelo Branco é o distrito que regista a pior situação económica.

O valor deste indicador na região é de 2,25 enquanto a média nacional se situa nos 2,8.

“O distrito apresenta, ainda, o panorama nacional mais negativo também pela débil situação financeira das empresas, que encontra abaixo da média nacional (2,58 no distrito, para 2,8 nacionais), assim como as receitas e os valores cobrados aos clientes pelas empresas (2,83 face a 3,06 e 2,58 face a 2,83, respetivamente). Ainda assim, as receitas das empresas sofreram um aumento no distrito em relação ao ano anterior, tendo passado de 2,6, em 2015, para 2,83, em 2016”, adiantam os organizadores do estudo.

O acompanhamento disponibilizado pelos órgãos locais às novas empresas é também um dos problemas destacados no distrito.

Castelo Branco encontra-se no 2º pior lugar a nível nacional com um valor de 2,08, quando a média nacional se situa em 2,24.

No panorama geral, o distrito encontra-se bastante abaixo da média nacional na maioria dos parâmetros, sendo esta uma tendência do distrito, por comparação ao estudo anterior. Castelo Branco é, assim, o distrito com menor perspetiva de crescimento nos próximos 12 meses.

DEIXE UMA RESPOSTA