Back

O. Hospital reconhecida como “Autarquia Mais Familiarmente Responsável 2018”

O Município de Oliveira do Hospital foi novamente distinguido, pelo quarto ano consecutivo, como “Autarquia Mais Familiarmente Responsável 2018” – um galardão atribuído pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR), que visa galardoar e divulgar as melhores práticas das autarquias portuguesas em matéria de apoio municipal às famílias.

Neste ano – a cerimónia de entrega das bandeiras aos municípios premiados terá lugar no dia 21 de novembro, em Coimbra –   Oliveira do Hospital receberá  a bandeira com palma, que se destina às autarquias que conquistaram este prémio por três ou mais anos consecutivos.

A atribuição desta distinção ao Município de Oliveira do Hospital (CMOH) – em 2018 houve 70 municípios portugueses a merecerem este reconhecimento – resultou da avaliação feita pelo OAFR a todo um conjunto de políticas “familiarmente responsáveis” em 11 áreas de atuação, que a autarquia oliveirense tem vindo a implementar nos últimos anos.

Encontram-se neste caso – entre muitas outras medidas – o programa de incentivo à natalidade, já em vigor desde janeiro de 2013; a criação de um tarifário social na fatura da água, que discrimina positivamente as famílias numerosas; o apoio à aquisição de manuais escolares concedido a alunos do 1º Ciclo de Ensino Básico ou, por exemplo, a atribuição de bolsas de estudo a alunos do ensino superior.

Reconhecido a nível nacional como um município “amigo das famílias”, sublinhe-se que o Município de Oliveira do Hospital voltou a aprovar este ano, no âmbito das políticas familiarmente responsáveis, uma redução no IMI para as famílias com filhos.

Para José Francisco Rolo, Vice-presidente da Câmara Municipal, este prémio não só reconhece como também certifica um conjunto de políticas municipais que o executivo camarário tem posto em prática com vista à resolução das necessidades e dos problemas concretos das pessoas

A distinção a nível nacional como “Autarquia + Familiarmente Responsável”, também significa que as pessoas e as famílias são efetivamente a primeira prioridade em Oliveira do Hospital”, frisa ainda o autarca, sem deixar de sublinhar que a implementação destas políticas de âmbito social só são possíveis graças à boa situação financeira da Câmara Municipal e à opção pela avaliação, por entidades externas, das várias medidas políticas municipais.

Publicar comentário

Share This