Back

Arrancaram as obras de requalificação do acesso à Zona Industrial de Côja

A Câmara de Arganil deu início às obras de requalificação do acesso à Zona Industrial de Côja, na passada segunda-feira, 16 de março.

“Esta intervenção faz parte da empreitada que contempla ainda a reabilitação das ruas do Bairro de Côja, também na União das Freguesias de Côja e Barril do Alva”, revela em comunicado a autarquia.

Totalizando um investimento de “aproximadamente 220 mil euros, a intervenção prevê a reabilitação da estrada que atravessa aquele polo, através da substituição do pavimento, de modo a contornar o considerável mau estado em que se encontra”, refere.

Da mesma forma, estão previstos nos trabalhos de execução a colocação de sinalética vertical e horizontal e a ampliação da via em algumas zonas, garantindo uma largura constante de 6.30 metros em toda a faixa de rodagem.

Para Luís Paulo Costa, presidente da autarquia, este investimento camarário “contribui não só para melhorar as condições de circulação, de segurança e de comodidade dos utentes que utilizam diariamente aquela estrada, como para melhorar as condições de atividade das empresas ali instaladas”.

O autarca está convicto de que “vai resultar desta intervenção uma zona industrial mais atrativa, favorecendo a captação de novos investidores”.

“Prestes também a começar, as obras no Bairro de Côja preveem, de igual modo, a melhoria dos arruamentos, quer através da substituição do piso existente, quer através da recuperação e construção de novos passeios e sinalização horizontal”, afirma a edilidade.

De modo a “responder às necessidades dos moradores de uma forma integral”, conforme destaca Luís Paulo Costa, “o Bairro vai também beneficiar de uma rede de drenagem de águas pluviais”.

O prazo previsto para a execução da empreitada é de 150 dias (5 meses), período durante o qual o presidente da Câmara apela aos residentes do Bairro “a melhor compreensão”, pelos inconvenientes que possam decorrer dos trabalhos, assegurando que “uma vez concluídas as obras, os moradores vão ficar garantidamente mais bem servidos”.

Publicar comentário