Back

Câmara de Coimbra assina protocolos com associações culturais de valor superior a 360 mil euros

Os protocolos de Apoio Financeiro Municipal ao Associativismo Cultural para Atividade Permanente em 2019 foram, ontem, assinados no Salão Nobre dos Paços do Município de Coimbra. Uma verba de 360.500 euros, que será distribuída por 92 associações culturais, de acordo com a proposta aprovada na reunião do executivo municipal.

“Com o propósito de valorizar o trabalho produzido pelo tecido associativo de Coimbra no domínio da cultura, a CM Coimbra abriu candidaturas ao Apoio Financeiro Municipal ao Associativismo Cultural para Atividade Permanente para 2019 para o Associativismo Cultural Geral”, adianta a autarquia em comunicado enviado à CentroTV.

As candidaturas foram analisadas e 92 foram consideradas válidas, traduzindo-se num apoio financeiro global de 360.500 euros. Este ano, foram validadas 31 candidaturas na área da música (144.250 euros), duas na área da dança (1500 euros), 21 na área da etnografia e folclore (38.000 euros), seis na área do teatro (43.500 euros), uma no cinema e audiovisual (3000 euros), duas na área das artes plásticas e visuais (55.000 euros), 11 na área de cultura e recreio (39.750 euros) e 18 são outras associações cujas atividades evidenciam interesse cultural (35.500 euros).

Os apoios foram ontem formalizados entre o Município e os respetivos agentes culturais através da assinatura de Protocolos de Apoio Financeiro Municipal ao Associativismo Cultural para Atividade Permanente para 2019 – Associativismo Cultural Geral.

Refira-se que durante o corrente ano podem surgir outros apoios pontuais concedidos às associações culturais do concelho, prevendo-se, assim, que o valor global de apoio às coletividades venha a aumentar.

Recorde-se que a CM Coimbra, com os contributos das associações culturais, alterou radicalmente o modelo de Apoio Financeiro Municipal ao Associativismo Cultural, instituindo critérios objetivos e previamente conhecidos. Nos últimos anos, não só aumentou o número de candidaturas válidas, como o montante dos apoios atribuídos, e a dotação da cultura no orçamento global da CM Coimbra tem sido significativamente reforçada.

Publicar comentário