Back

Coimbra vai tornar-se na capital mundial dos eventos

Coimbra vai tornar-se a capital mundial dos eventos nos dias 21, 22, 23 e 24 de novembro. Nestes quatro dias, a cidade do Centro de Portugal acolherá a 13.ª edição do BEA World – Festival Internacional de Eventos e da Comunicação ao Vivo (The International Festival of Events and Live Communication), uma iniciativa que premeia os melhores eventos internacionais do ano.

O Festival Internacional de Eventos é considerado o principal encontro de empresas de eventos a nível mundial. Este ano, vai reunir em Coimbra mais de 700 profissionais de todo o mundo da área dos eventos, da comunicação e do marketing.

Paralelamente, haverá espaços dedicados à partilha de conhecimentos e experiências entre os participantes, que têm assim a oportunidade de estabelecer contactos com potenciais clientes, conhecer as melhores agências e refletir sobre diversas temáticas do mundo dos eventos e do turismo.

As atividades têm como ponto mais alto a cerimónia de entrega de prémios, os Best Events Awards, que celebram os eventos mais notáveis e os seus respetivos criadores.

O festival foi apresentado hoje, em conferência de imprensa que decorreu no local onde se vai realizar, o Convento São Francisco, em Coimbra. A apresentação contou com intervenções de Carina Gomes, vereadora da Câmara Municipal de Coimbra; Pedro Machado, Presidente do Turismo Centro de Portugal; Salvatore Sagone, Presidente do ADC Group; e António Marques Vidal, Presidente da Direção da APECATE.

“Foi com grande entusiasmo que a Câmara Municipal de Coimbra aceitou este desafio. É uma honra recebermos no Convento São Francisco o que de melhor se faz no mundo na área dos eventos e acolher aqueles que para isso muito têm contribuído, ao mesmo tempo que damos a conhecer, mais e melhor, Coimbra e a região Centro de Portugal”, destacou a anfitriã, Carina Gomes.

Já Pedro Machado sublinhou que “é uma prioridade para o Turismo Centro de Portugal captar eventos internacionais, como este BEA World, pelo impacto direto muito positivo que provocam na região. Este é um evento que vai ao encontro da estratégia que temos vindo a empreender, no sentido de ultrapassar os principais problemas da atividade turística nesta região: como dura quatro dias, faz aumentar a estadia média dos visitantes; por acontecer fora da época dita alta, combate a sazonalidade do turismo; e por atrair maioritariamente visitantes de fora do país, é mais um passo na internacionalização da região”.

Por parte da organização, Salvatore Sagone salientou que “no próximo mês irão reunir-se aqui em Coimbra os melhores de todos a nível de agências de eventos, mas também os melhores clientes. Coimbra vai ser a capital dos eventos no mundo”. Uma constatação reforçada por António Marques Vidal: “Eventos como o BEA World são excelentes para a estratégia de promoção dos destinos. Vamos realizar um grande evento em Coimbra, não só pelo número de participantes, mas também pelas 700 pessoas que traz e que podem criar uma rede de partilha para as nossas empresas de eventos. É uma excelente oportunidade para as empresas portuguesas e para a Região Centro”.

Esta é a segunda vez que o BEA World acontece em Portugal, numa organização conjunta do ADC Group e da APECATE – Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos. O Festival conta este ano com o apoio institucional do Ministério da Economia, da Secretaria de Estado do Turismo, do Turismo de Portugal, do Turismo Centro de Portugal e da Câmara Municipal de Coimbra e o patrocínio da EDP e da TAP Portugal.

Publicar comentário