Back

Exposição fotográfica sobre faina do bacalhau na Figueira da Foz

“Heróis que o tempo não apaga – Um dia a bordo de um lugre bacalhoeiro… ” é uma exposição fotográfica itinerante, da Fundação Gil Eannes,  realizada por Rui Bela, composta por 25 painéis alusivos à faina da pesca do bacalhau a linha, que retratam a vida a bordo de um lugre da pesca do bacalhau, e pode ser visitada a partir de hoje no Hall do Museu e Biblioteca Municipais.

A mostra integra um livro didático intitulado “Heróis que o tempo não apaga – Uma viagem no tempo” de autoria do professor José Amadeu Gavinho Costa e um catálogo, com prefácio do Capitão Vitorino Ramalheira, ultimo capitão do lugre-motor “Santa Maria Manuela” enquanto navio da pesca do bacalhau a linha em finais dos anos 60 do século XX.

Quer a exposição, quer o livro, quer o catálogo, contam com o patrocínio exclusivo do grupo empresarial Jerónimo Martins, atual proprietário do lugre-motor “Santa Maria Ma­nuela”, que em tempos pertenceu a frota da Empresa de Pesca de Viana.

“Heróis que o tempo não apaga – Um dia a bordo de um lugre bacalhoeiro…”, ficará patente até 09 de fevereiro de 2019, com visitas de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00 e aos sábados,  das 14h00 às 19h00.

Publicar comentário