Back

Finlândia vai ter a primeira-ministra mais jovem do mundo

Sanna Marin vai assumir o controle do país, amanhã, tornando-se a líder mais jovem de um governo no mundo, aos 34 anos, ultrapassando o primeiro-ministro ucraniano de 35 anos, Oleksiy Honcharuk.
 
Marin, que foi escolhida ontem pelo Partido Social Democrata da Finlândia, chefiará uma coalição de cinco partidos de centro-esquerda, na qual todos os partidos são liderados por mulheres – quatro delas com trinta e poucos anos.
 
E, como a primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern – outra líder do governo com menos de 40 anos – Marin é uma jovem mãe, que deu à luz sua filha Emma no ano passado. Criada por uma mãe solteira, revelou a uma emissora finlandesa como se sentiu discriminada quando a sua mãe estava num relacionamento com outra mulher.
 
Parlamentar desde 2015, Marin é vice-presidente do partido e ministra dos transportes e comunicações no governo cessante.
 
É provável que os legisladores aprovem a nomeação de Marin e o seu governo esta semana para que ela possa representar a Finlândia na cúpula dos líderes da UE de 12 a 13 de dezembro, em Bruxelas.
A Finlândia mantém a presidência rotativa da União Europeia até o final do ano.
 
Antti Rinne, o primeiro ministro em exercício que Marin está substituindo, planeia permanecer como presidente dos social-democratas até ao congresso do partido no próximo verão

Publicar comentário