Back

Detido suspeito de dois crimes de incêndio florestal

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, com a relevante colaboração da GNR, Núcleo de Proteção Ambiental de Viseu, procedeu à detenção do presumível autor de dois crimes de incêndio florestal, ocorridos nos dias 16 e 17 de agosto de 2019, na localidade de Gosende, Castro Daire, Viseu.

Os fogos terão sido provocados com recurso a isqueiro, aparentemente com o objetivo de limpar matos e arbustos em zona de pastagem.

As ignições consumiram uma pequena área de povoamento misto e mato, só não assumindo proporções mais graves devido à pronta e eficiente intervenção dos Bombeiros.

O detido, de 36 anos de idade, tem a profissão de pastor, não tem antecedentes criminais e vai ser presente à competente autoridade judiciária, para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Publicar comentário