Back

Federação Portuguesa de Columbofilia muda sede para Mira

A Federação Portuguesa de Columbofilia (FPC) aprovou por unanimidade a mudança da sua sede social para Mira, num congresso extraordinário que decorreu no passado sábado.

A decisão histórica foi tomada no edifício Mira Center – Centro de Ciência e Iniciativas Empresariais de Mira, onde passará a funcionar a sede e todos os serviços da FPC.

Os congressistas tiveram a oportunidade de, numa visita guiada, conhecer o espaço, amplo e bastante iluminado, que conta com vários serviços de apoio, como sala de reuniões e refeitório, que estarão também a partir de agora ao serviço da FPC e dos columbófilos.

A alteração da sede social foi votada de forma unânime, com vários columbófilos a congratularem-se com as novas e modernas instalações e a felicitarem a federação pela iniciativa.

“Era um anseio da federação, e pelo que se viu da columbofilia nacional, que centralizássemos em Mira todos os nossos serviços. É um dia histórico para a columbofilia portuguesa”, afirma José Luís Jacinto, presidente da FPC.

O responsável destaca “a vontade férrea do presidente da Câmara Municipal de Mira que tudo fez para que a federação se instalasse em Mira”, bem como “o papel fundamental” do diretor de serviços da instituição, Joaquim Lopes, que “agilizou todo o processo em conjunto com o município de Mira e em tempo record”.

A FPC tinha até agora a sua sede social em Coimbra, mas as boas relações com o município de Mira e a proximidade com o Columbódromo Gaspar Vila Nova, em Portomar, no mesmo concelho, propriedade da FPC, ditaram a necessidade de mudança que agora se concretiza.

Esta alteração é considerada pela direção da instituição como “um marco fundacional para a melhoria da qualidade dos serviços e atividades desenvolvidas pela FPC, com vista ao engrandecimento do desporto columbófilo”.

Publicar comentário