Back

Polícia australiana acusou 24 pessoas por fogo posto

A polícia acusou 24 pessoas de iniciar intencionalmente incêndios no estado de New South Wales, de acordo com um comunicado divulgado, hoje, pela polícia de New South Wales.

A polícia de NSW tomou medidas legais contra 183 pessoas, 40 das quais são jovens por crimes relacionados a incêndios desde 8 de novembro de 2019, indica ainda o comunicado.

Pelo menos 24 pessoas morreram em todo o país durante nesta época de incêndios. Os incêndios atingiram todos os estados da Austrália, mas Nova Gales do Sul foi o mais atingido. As chamas ardem por todo o país há meses, queimando casas e destruindo cidades inteiras.

Quase 18 milhões de hectares de terra foram queimados, a maioria florestas, bosques e parques nacionais, que abrigam a vida selvagem nativa do país.

Quase meio bilhão de animais foram afetados pelos incêndios em NSW e milhões deles estão potencialmente mortos, segundo ecologistas da Universidade de Sydney.

Aves, répteis e mamíferos, exceto morcegos, estão entre os afetados. Insetos e sapos não estão incluídos nesse número.

Publicar comentário